segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Campanha pede libertação de Fábio Capita

    Adesivos colados em carros que circulam por São Luís promove uma campanha de pedido de libertção do sub-comandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Maranhão,  Fábio Aurélio Saraiva Silva,"Fábio Capita", preso em 13 de junho, durante a Operação "Detonando", sob acusação de ter fornecido a arma que Jhonathan de Sousa Silva matou o jornalista Décio Sá.
    Fábio Capita é proprietário de uma loja de mecânica de automóvel no bairro do Calhau. Ele teve a prisão preventiva decretada em 19 de julho sob suspeita de ter participado do complõ que resultou na morte de Fábio Brasil em Teresina (PI), dias antes da morte de Décio em São Luís, em um bar da Avenida Litorânea em 23 de abril.
    Os adesivos "Estamos com capita", "Fábio Capita é inocente" circulam em carros que supostamente pertencema policiais e amigos do preso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário