sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Na coluna do Claudio Humberto

PODER SEM PUDOR

COMUNISTA E RACISTA


Nos anos duros da ditadura, a casa de um professor universitário amigo do então deputado Sérgio Murilo (PE) foi invadida, pois os milicos a viam como um "aparelho" da esquerda. Na batida, a biblioteca foi cuidadosamente examinada em busca de literatura subversiva. Ao ler um dos títulos, "Materialismo Histórico e Materialismo Dialético", de Karl Marx, o milico que chefiava a operação descartou a apreensão:

- Esse aí não interessa. É sobre espiritismo.

Um agente mostrou outro livro, "O Vermelho e o Negro", de Stendhal.

- Ah!... Esse aí, sim! Além de comunista, é racista também!

Nenhum comentário:

Postar um comentário