domingo, 9 de março de 2014

Luiz Fernando Silva e outros aliados de Dilma pegam carona na entrega de máquinas

Aliados da presidente pegam carona na entrega de máquinas
Assim como Dilma, pré-candidatos nos Estados têm usado programa federal para se aproximar de prefeitos
Fernando Pimentel, de MG, e Rui Costa, da BA, estão entre os petistas que mais viajam pelo PAC Equipamentos
PAULO PEIXOTODE BELO HORIZONTE
    Pré-candidatos a governos estaduais aliados da presidente Dilma Rousseff estão pegando carona no programa federal que distribui milhares de máquinas a prefeituras de pequenas cidades.
    Em Estados como Minas Gerais, Paraná, Bahia, Mato Grosso do Sul e Maranhão, por exemplo, retroescavadeiras, motoniveladoras e caminhões-caçamba doados pelo governo federal são entregues pessoalmente pelos pré-candidatos.
    O programa PAC Equipamentos, com investimentos de R$ 5 bilhões, é uma das atuais vitrines de Dilma.
    Ela tem viajado o país para entregar essas máquinas, em eventos que sempre reúnem dezenas de prefeitos.
    No caso dos pré-candidatos, dois petistas chamam a atenção: Rui Costa (BA) e Fernando Pimentel (MG).
    Costa é chefe da Casa Civil do governo baiano e o nome escolhido no PT para a sucessão de Jaques Wagner.
    Em eventos com prefeitos pelo interior, ele estima ter entregue 2.300 máquinas desde o início de 2013 --mais do que a própria Dilma, que soma quase 1.900 entregas.
    Desse montante, Costa distribuiu 1.276 máquinas custeadas pelo governo federal. As demais foram por convênios entre o órgão federal Codevasf e o governo da Bahia.
Costa já percorreu ao menos dez municípios. Nos últimos três eventos, também participou da entrega o vice-governador Otto Alencar (PSD), provável candidato ao Senado na chapa petista.
    A Folha acompanhou um desses eventos, em Salvador, na semana passada. Presente e agraciado, o prefeito de Candeal (BA), Fernando Nere (PMDB), disse que apoiará Rui Costa, mesmo com a provável candidatura do peemedebista Geddel Vieira Lima.
"Estou com quem está comigo e ajuda a cidade", afirmou Nere.
RITUAL
    Nos Estados, nas cerimônias de entrega das máquinas, os pré-candidatos seguem o mesmo ritual de Dilma: entregam as chaves, cumprimentam e posam para fotos com os prefeitos.
    No caso de Pimentel, quatro dias após deixar o ministério do Desenvolvimento ele viajou com Dilma a Governador Valadares, no interior de Minas Gerais, para a entrega desses equipamentos a 92 prefeitos. Sentou-se na mesma fileira da presidente, à vista dos presentes.
    Na última quarta, o pré-candidato repetiu o gesto em Betim (MG). Saudado por Dilma e sentado a duas cadeiras dela, adotou o mesmo gesto da presidente e abraçou um a um todos os 209 prefeitos.
    Ainda ministro, Pimentel participou de duas outras entregas de máquinas. Foi o mesmo caso da senadora e pré-candidata ao governo do Paraná, Gleisi Hoffmann (PT), que entregou máquinas em ao menos cinco cidades paranaenses na condição de ministra da Casa Civil.
    O secretário maranhense de Infraestrutura, Luiz Fernando Silva (PMDB), e o senador sul-mato-grossense Delcídio Amaral (PT) são outros pré-candidatos que também entregaram máquinas.
    Coordenador das promotorias eleitorais de Minas e professor de direito eleitoral, o promotor Édson Resende vê, em tese, legalidade na entregas dessas máquinas.
    "[Mas] quando começa a colocar gente sem relação com aquele evento, passamos a suspeitar da finalidade da presença delas lá. Pode ser abuso de poder político, pode caber eventual ação."
MÁQUINAS EM NÚMEROS*
O PROGRAMA

PAC Equipamentos prevê a entrega de máquinas agrícolas para municípios de até 50 mil habitantes ou em situação de seca. Já atendeu 5.071 prefeituras
11.799

já foram entregues, de 2013 a meados de fevereiro, sendo:
5.071 retroescavadeiras

2.883 motoniveladoras
1.913 caminhões-caçamba
1.171 caminhões-pipa
761 pás-carregadeiras

A previsão é que, neste ano, o total entregue seja de 3.784 máquinas, sendo:
3.754 caminhões-caçamba e

30 motoniveladoras

Nenhum comentário:

Postar um comentário